Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro 14, 2016

Momentos e encontros

Há momentos em que a multidão restringe os movimentos, os passos, os suspiros e outros em que a solidão prevalece em espaços vazios, produzindo estranhamentos em nossos mundos.
Há momentos de abastança, festas eloquentes e climas de euforia. Outros de espanto, pobreza e medo.
Há momentos de certeza, outros desconfiança.
Há momentos de temperança e tolerância. Outros em guerra lutando por paz.
Há momentos de entusiasmo, criatividade e procuras, outros de trabalho e suor.
Há momentos de prazer, de excessos e devaneios, outros de reflexões e dúvidas.
Há momentos que se cruzam, que se interpõem e se unem, ou morrem ou se recriam.
Por isso pergunta-se: por que lá fora o frio, a dor, o medo, a angústia, o sofrimento?
Quem sabe aqui, também, hospitais a céu aberto, onde as feridas não curam e os algozes as aceleram.
A vida, às vezes, ecoa sonora e musical, lá fora. E aqui, retumba surdo o som que some e não se assume.
Quem sou eu nestes encontros? Quem somos nós? Um mundo sem fim? Uma verda…